I'm Here For You - Capitulo 21



*Algumas semanas depois*

           Já fazia mais de três semanas que minha rotina era a mesma. Hotel, curso, curso, hotel. Seria assim, e ponto final. Eu não tirava aquele colar do pescoço. Pra nada. Eu não atendia o celular, não lia mais os SMS’s, e também me recusava a atender ao telefone do hotel. Nesse meio tempo, muita coisa havia mudado. Eu não entrava mais no Twitter, - não queria ler nada sobre Zayn Malik e sua nova namorada, eu – que havia triplicado o número de seguidores. Acho que eu nem sabia falar aquele número. Zayn me procurou nada menos que quinze vezes, e eu sempre fingia não estar em casa. A única que ainda conseguia falar comigo era Becky, eu ligava para saber noticias de Annie.

           Ele parecia ter desistido. Eu também desistiria de mim. Sou um caso perdido e ele já deve ter notado. Não adianta. Nada irá mudar. Zayn sumiu, e eu estou desesperada. Não devia estar.. Devia? Por quê? Quando fui eu quem recusou atendê-lo na décima quinta vez? Todo mundo tem seu limite, certo? Esse foi o dele. E eu o entendia, é claro. Eu queria vê-lo, mas não tinha coragem. O que iria dizer? O que.. O que eu iria falar depois de ter fugido tanto dele? Foram mais de 30 ligações.. Ninguém jamais me procurou tanto sem ser para me cobrar algo. Porque me sinto tão errada e desorientada?

           O Google me dizia – através do site deles – que eles já tinham se mudado do hotel. Cada um estava em seu devido lugar. Um lugar que eu já não sabia onde era. Agora voltei ao meu papel de origem.. A fã desenformada que buscava sobre o assunto em tudo quanto é lugar. Era o meu estado. Acabei encontrando algo sobre Niall, ele parecia ter assumido o namoro com Sophia, o que já não era sem tempo. Eles se mereciam e eu apoiaria com toda a certeza! Vi também uma notícia sobre Zerrie. Zayn parecia fugir dela de todas as formas possíveis, mas.. isso não me afligia. Eu sabia que o coração dele era meu e isso soava possessivo demais. Mas.. Eu não conseguia pensar em Annie sem que uma lágrima molhasse meu rosto. Queria Zayn comigo e agora ele já não ligava mais..

           Ouvi o timbre da campainha ecoar no ambiente. Maldito porteiro, mandei não me incomodar até o fim do mês. Que teimosia! Me levantei do sofá, como meu corpo pesava. Ele se recusava a ficar de pé. Olhei-me no reflexo da porta de vidro e acho que nunca me assustei tanto comigo mesma. Eu estava com uma blusa grande, branca, com apenas um Mickey desenhado, um short jeans que mal aparecia debaixo, meias brancas com listas pretas e.. Olhos super inchados e vermelhos. Normal para quem havia passado a semana inteira controlando as lágrimas. A campainha tocou outra vez, me tirando de meus devaneios. E tocou outra, outra, outra e outra vez. Eu torcia mentalmente para que ele desistisse e percebesse que eu não iria atender. Ignorei agora as batidas e fui para o banheiro, fechando as portas.

           As batidas ficaram mais baixas, quase imperceptíveis, até que parou. Agradeci mentalmente por isso. Me escorei na pia e me olhei no espelho, estava chorando novamente. Porque sou tão fraca? Porque tenho que ser assim? Olhei para meus pulsos e não sei por quanto tempo fiquei assim, só notei quando a primeira gilete estava em minhas mãos e depois neles. Havia feito uma promessa para Sophia e Annie. Prometi não fazer mais isso. Mas.. Não havia sentido estar nesse mundo se eu não tivesse mais a minha pequena Annie, tinha? Não. Não tinha! A dor me deixava mais aliviada, e um pequeno sono começou a me envolver. Meu pulso sangrava, mas isso era comum pra mim. Só não me lembro de sangrar tanto dessa forma. Um barulho enorme veio da sala. Alguém havia arrombado a porta. Ótimo, um assaltante uma hora dessas. Eu não agüentava ficar de pé e apenas me deixei levar, me sentando no chão do banheiro.

- SeuNome? – ouvi uma voz conhecida. Era uma voz um tanto desgrenhada e desesperada. Os passos ficaram mais pertos e então eu o vi. Lá estava ele. Meu porto seguro. Lá estava meu ponto de paz. Lá estava Zayn Malik, assustado e com lágrimas nos olhos. – O QUE VOCÊ FEZ?! – ele gritou quando a primeira lágrima caiu. Eu não conseguia responder, eu só conseguia chorar. Eu o estava decepcionando pela décima vez, não estava? Agora a dor tornou-se insuportável.
- Vai embora! – falei em meio a um soluço.
- Quando vai entender que não está sozinha?
- Quero estar sozinha!
- Não. Não quer. Para de fingir que é forte, SeuNome! Não precisa ser assim o tempo inteiro.
- Tenho medo.
- De que?
- De parecer idiota.
- Parece uma idiota fazendo isso.. – ele dizia tirando a gilete das minhas mãos.
- Ta doendo..
- Claro, e você está dificultando as coisas!
- Você não entende. – falei me sentando direito com a ajuda dele.
- Sei que não, – ele limpava meu rosto com calma – mas essa não é a solução.
- Pra mim é..
- Não é!
- Porque não?
- Porque eu não posso te perder! Ta me ouvindo? – eu o olhei pela primeira vez nos olhos desde que ele chegou. Ele tinha olhos vermelhos e uma lágrima escorria, e aparentava não estar dormindo bem.
- Não se pode perder o que nunca teve. – ele deu um sorriso claramente ofendido.
- Suas palavras machucam, sabia?
- Suas atitudes também.
- Eu te ajudo. Tento te segurar. Faço tudo por você. Sinceramente, eu não sei mais o que você quer de mim. Porque nunca está bom o suficiente pra você.
- Não quero nada.
- Então não te entendo.
- Nunca entenderá! Eu arruinei sua vida.
- Mas quem foi que te disse isso? – ele levou a mão até meu queixo me forçando a olhá-lo.
- Ninguém.. – eu falei agora me sentindo uma completa idiota. O vi se aproximar.. E se aproximar.. E chegar cada vez mais perto.. Até que finalmente nossas respirações pareciam uma só. O vi sorrir ao perceber meu nervosismo e então me deu um pequeno beijo na testa.
- Minha vida só fez sentido quando te conheci. Preciso de você, e nada vai me manter longe, se conforme com isso. – ele sussurrou em meu ouvido e se afastou, se levantando e estendendo a mão – vem. – ele me levantou.
- AI! Ta doendo.
- Eu sei.. – ele falou pegando a toalha de rosto e enrolando no meu pulso – Isso vai aliviar até eu encontrar algo.. – ele abria as gavetas do armário do banheiro, procurando o que eu não sei. Até que ele me mostrou alguns gases e esparadrapo. E então ligou a bica, retirou a toalha e colocou meu pulso sob a água.
- ZAYN! ISSO ARDE! – tentei puxar a mão, mas ele não deixou.
- Castigo. Vou lavar isso.
- PARE!
- Vou lavar, quieta.
- Não é meu pai.
- Graças a Deus! Quieta.. – ele falou – Quanto mais puxar, mais doerá! – eu parei de puxar – Bem melhor, viu?
- Grandes coisas, ainda está ardendo.
- Não adianta resmungar, tem que lavar, e ponto final! – ele dizia ao enxugar meus pulsos agora sem tanto sangue com uma toalha.
- Porque está fazendo isso?
- Isso o que? – ele me olhava confuso.
- Isso.. Porque está me ajudando?
- Quantas vezes vou ter que repetir que estou com você pro que der e vier?
- Acho que até eu acreditar nisso.
- Porque duvida tanto?
- Porque você iria olhar pra mim?
- Porque não olharia? – ele falou ao enrolar a toalha no pulso novamente.
- Sou invisível Zayn.
- Não pra mim..
- Sabe.. Eu não precisava de ajuda. – falei ao puxar o braço.
- Tô vendo.
- ODEIO suas ironias.
- Odeio quando você grita.
- Odeio sua teimosia.
- Odeio que você seja tão irritante.
- Odeio que você seja Repugnante.
- Odeio que você me mantenha tão longe.. – ele falou e eu abaixei a cabeça – Preciso de você ao meu lado, quando irá entender?
- Não sabe o erro que está cometendo.
- Pare de se julgar da pior forma possível, você não é assim. Sabe que é uma pessoa boa!
- Boa e com problemas.
- Problemas que juntos podemos resolver.
- Me deixa em paz Zayn.
- Chega! – ele falou e começou a me puxar.
- Espera. Que foi? – falei ao me soltar.
- Estou cansado da sua bipolaridade. Se não vier, te levo a força.
- Me obrigue então.
- Pare! Não consegue me suportar por apenas 5 minutos?
- Hn... Não?
- É sobre a Annie! – ele falou depressa e eu me calei.
- Annie?
- Sim!
- Como sabe dela?
- É uma longa história.
- Uma longa história que eu quero saber! – ele revirou os olhos.
- Vem cá.. – ele pegou gases e esparadrapo e me levou até a cozinha, onde me obrigou a sentar – Lembra o dia que vim até aqui?
- Quando eu fui ver Sophia?
- Exato. Havia uma pequena anotação com o número dela, estava escrito para ligar em casos de emergência. Eu anotei o número e quando você sumiu, eu liguei.
- ZAYN!
- Claro, precisei ter paciência, o inglês dela era bem limitado.
- Não devia ter feito isso!
- Me preocupei com você.. – ele disse olhando para meu pulso.
- Desculpe por isso..
- Vem cá.. – ele puxou minha mão e desenrolou o pano que a envolvia. Ele passou o que seria uma pomada que realmente ardia. Suas mãos eram leves e ele tinha uma calma muito grande ao enrolar a gases e por esparadrapo. Hora ou outra eu reclamava de dor e ele apenas dava um meio sorriso. Ele estava cuidando de mim. Mas.. Por quê? Eu precisava começar a rever os meus conceitos sobre ele. Precisava mesmo. Estava me comportando como uma idiota.
- Obrigada.
- Não agradeça, apenas se cuide. Está ótimo pra mim. – ele me deu um beijo na testa e se levantou – preciso te levar a um lugar.
- Na minha atual situação, não vou discordar.
- Muito bom.. – ele falava rindo.

           Zayn esperou eu tomar um rápido banho, apenas me pediu para tentar não molhar o pulso. Me vesti adequadamente e voltei para sala. Trancamos meu apartamento e eu o segui até o estacionamento em silêncio. Não ousamos puxar conversa, era como se fosse terminantemente proibido. O que posso fazer? Estava envergonhada. Zayn parecia concentrado no caminho, apenas me lançava alguns olhares de canto de olho, me fazendo desviar o olhar. Ele parecia ter pressa, não estava respeitando sinais alguns e ultrapassava sempre que possível. Alguém irá perder a carteira de habilitação. Suspirei fundo e percebi que o carro havia parado.

- Hospital?
- Sem perguntas.
- Zayn, não. Não. Eu não quero hospital! Estou bem.
- Quieta, não é pra você.
- Então.. – eu o olhei.
- Não. Nem pra mim. Viemos aqui fazer uma visita. – ele falou ao sair do carro e eu o imitei.
- Uma visita a quem?
- Pare de perguntar e vamos logo. – ele passou o braço envolto a meu ombro e me guiou até a recepção.
- Quarto 102? – ela perguntou e ele confirmou.
- Tudo bem, já estávamos aguardando sua visita.
- Obrigado. – ele falou me puxando para o corredor. Eu ainda olhava para trás para a mulher e depois olhava para Zayn.
- Zayn.. Pode me explicar?
- Veja você mesma. – ele disse quando paramos em frente à porta 102.
- Eu não..
- Entre e não reclame!
- Mas você está muito mandão!
- Anda... – ele me empurrou rindo.

           Eu abri a porta e meu queixo foi ao chão. Todos estavam ali. Annie estava deitada na cama sorridente, enquanto Louis parecia contar alguma coisa divertida e Niall parecia ter as mãos na barriga enquanto Sophia brigava com ele. Seria fome? Eu não duvido. Liam estava sentado em uma cadeira ao lado enquanto Harry estava sentado na cama da menina. E..

- BECKY! – gritei abraçando-a.
- Meu deus! Que saudades!
- Eu que o diga, você me abandonou sua filha da mãe!
- Eu? – ela me soltou – Quem viajou foi você, querida.
- Oh, desculpe se fui despachada!
- Idiota, voc.. – ela parou quando olhou pro meu pulso – O que é isso SeuNome?
- Boa sorte.. – Zayn sussurrou ao passar por mim.
- Desculpa.
- Caramba, já pedi pra não fazer isso!
- Para, eu estava desesperada.
- E isso te ajudou em que? – ela falou e todo mundo se calou, e me encarou. Liam tinha um olhar tão.. preocupado que chegava a me assustar.
- Parem de me olhar assim. Estou bem. Cadê minha princesa? – falei empurrando Harry e Louis para um canto e ocupando o lugar deles.
- EI!
- Educação mandou um abraço.
- Caramba Louis, isso não tem graça, desiste.
- Calado, Harold.
- Oi meu anjo.. – eu falava em uma voz chorosa enquanto tentava não chorar.
- Oi tia.. – ela sorria.
- Como está? Poxa, você me assustou.
- Estou bem. Mas.. – ela segurou minha mão e passou a mão de leve em meu pulso – Ficou triste de novo?
- A tia está bem agora, tabom?
- E feliz?
- E feliz! – eu falei, sabia que tanto Becky quanto os outros me encaravam, não tive coragem de olhar.
- Quem per Pizza? – Niall perguntou e logo levou um tapa de Sophia – Que é? – ele pareceu não entender.
- A menina acabou de operar o apendicite Niall.
- Sempre achei que apendicite fosse de comer.
- Niall, tudo pra você envolve comida?
- Às vezes..
- Nada de pizza!
- Ah.. que droga.. – ele resmungou e todo mundo acabou rindo. Mas eu apenas puxei Zayn para fora do quarto.
- Que foi? – ele perguntou enquanto eu fechava a porta atrás de nós.
- Foi você?
- Eu o que?
- Que pagou a operação dela.
- Aham..
- Obrigada.. – falei ao sentir uma lágrima escorrer.
- Eu falei que sempre te ajudaria.
- Obrigada Zayn! Obrigada!
- Não precisa agradecer, ela é só uma criança e.. – ele parou de falar quando eu o abracei repentinamente.

           Senti uma de suas mãos em meus cabelos, os alisando, e outra em minhas costas. Fechei os olhos e respirei fundo, uma vez que aquilo me causava uma série de arrepios. Eu não conseguia, não consegui me conter. Eu o desejava de todas as formas possíveis e negar isso só estava acabando comigo, e com ele. O vi se aproximar e logo ouvi um sussurro no ouvido. “Não pode negar que não sente nada”. Senti meu estomago revirar e meu corpo começou a formigar. Que droga! Porque eu tinha que ficar assim perto dele? Eu não conseguia raciocinar.  Droga! Mil vezes droga!

           Senti suas mãos em minha cintura me puxando para perto. Mais né, considerando que já estávamos próximos. Um pouco mais e seu corpo se fundia ao meu. Eu o olhei receosa, não conseguia me mexer. Estava paralisada, e ele parecia se divertir. Zayn não tirava aquele sorriso do rosto. O mesmo sorriso que me derretia por completo. O mesmo sorriso que fazia com que eu o desejasse cada vez mais. Ele levou uma das mãos até meu rosto o acariciando. Meu coração acelerou de tal forma que eu comecei a achar que iria ter um ataque cardíaco. O que ele queria afinal? Me matar, só pode.

- Senti a sua falta.. – sua voz era fraca.
- Desculpa.. – eu abaixei a cabeça e ele a levantou, me forçando a olhá-lo.
- Liguei pro seu celular.. Pro seu apartamento.. Te mandei SMS.. Te procurei no twitter.. Tentei até procurar seu curso.. Estava desesperado.. Pensei que tivesse me deixado de vez!
- Me desculpa, eu..
- Eu preciso de você.. Não fique longe!
- Eu precisava de um tempo para entender tudo..
- E conseguiu?
- Não..
- Óbvio que não. Não irá conseguir tudo sozinha, meu anjo..
- Mas às vezes é melhor..
- Nunca é melhor.
- Odeio chorar na frente dos outros.
- Meu amor, você não tem que se mostrar forte pra ninguém!
- Tenho.
- Quem disse isso? Quem cobrou isso de você?
- Ninguém tem que se preocupar comigo.
- E porque isso?
- Porque são meus problemas, Zayn.
- Escuta.. – ele pegou minha mão e colocou em seu peito – Vê? Ele bate acelerado perto de você. Você me enlouquece. Ele bate por você. Sua alegria é a minha alegria.. – uma lágrima escorreu em meu rosto e ele a limpou – Seus problemas.. Meus problemas.. Sua tristeza é a minha dor. Sua lágrima é o meu sofrimento.
- Não diz essas coisas..
- É a verdade. Por favor, acredite em mim.
- Eu acredito..
- Então o que nos impede de ficarmos juntos?
- Somos diferentes, Zayn.. – tentei me soltar, mas ele me segurou.
- Cadê a diferença entre nós?
- Mundos diferentes.
- Não há mundos diferentes, há apenas pessoas diferentes.
- Sou diferente.
- Então em diga a diferença?
- Você merece algo melhor..
- Você é a melhor pra mim. Entenda isso.
- Zayn..
- Your hand fits in mine like it's made just for me, but bear this in mind, it was meant to be.. – ele começou a cantarolar baixinho enquanto entrelaçava seus dedos nos meus - And I'm joining up the dots with the freckles on your cheeks – uma de suas mãos foi até meu rosto, onde ele acariciava sem tirar os olhos dos meus, e sem parar de cantar - And it all makes sense to me.. – ele concluiu e eu mal conseguia conter as lágrimas. Era impossível. – You’re perfect to me..
- Você é um idiota, Zayn Malik.
- Eu sei..
- Idiota.. – eu sorria enquanto limpava o rosto.
- Você também, SeuNome Malik.
- Como é? – falei nervosa.
- Será seu futuro nome..

           Ele segurava meu rosto com uma das mãos, fazendo com que eu mantivesse meu olhar no seu. A mão que antes segura a minha estava agora em minha cintura me apertando contra seu corpo de tal forma, que eu chegava a ficar zonza. Seu perfume era perfeito e me deixava com falta de ar, eu estava nervosa. Pra variar. Estava tão distraída, tão.. Avoada, que arregalei os olhos ao sentir seus lábios tocarem os meus e por um segundo cheguei a pensar que meu coração fosse explodir. Fechei meus olhos e apenas me entreguei ao momento. Seus lábios eram doces, docemente irresistíveis. Passei meus braços pelos ombros dele, me aproximando mais, se é que era possível, enquanto alisava seus cabelos rebeldemente arrumados. Esse sempre fora o meu sonho, passar a mão por eles. Sonho idiota, não é? Sonho de fã! Seu beijo era tão calmo.. Tão viciante.. Era como se eu necessitasse dele para viver. E era. Sua boca se encaixava perfeitamente na minha. Ele tinha que ser meu! Eu queria! Eu o desejava! Eu estava loucamente apaixonada por Zayn Malik! Ouvimos algumas risadas e automaticamente paramos o beijo. Todos, exceto Becky estavam no corredor nos olhando e rindo. Meu rosto queimava de tanta vergonha, então eu me afastei de Zayn, constrangida.

- Estragaram tudo! – ele comentou rindo.
- Zayn foi pisgado.
- Se fala fisgado, Lou. – Liam corrigiu.
- Não. Ele foi pisgado mesmo.
- Lou, essa palavra não existe! – Harry falou.
- Minha boca, minha palavra.
- Seu erro né? – Niall perguntou.
- Calados todo mundo! – Zayn pediu.
- Zayn.. Vai ter comida no casamento? Ai. Para de me bater Sophia!
- Para de falar demais!
- Não peça algo impossível pra ele.. – Zayn falou rindo.
- O aniversário do Liam terá comida, não é?
- Niall!
- Relaxa Sophia, nós já estamos acostumados.. – Liam ria.
- Mesmo assim. Não é educado.
- Vai na minha festa, não é SeuNome?
- Claro que ela vai.. – Zayn respondeu por mim enquanto me abraçava de lado. Eu não conseguia dizer nada.
- Ela será a fotógrafa! – Harry falou piscando pra mim.
- Fotógrafa muda né? – Lou falou e até mesmo eu comecei a rir.
- Deixa ela.. – Zayn falou, mas ele também ria.
- AAAAAAAAW OLHA SÓ, ELES SE DEFENDEM!
- Louis, aqui é um hospital!
- Eu sei, Liam.
- Então não grita.
- Ninguém me disse que é proibido gritar. – Eu apontei para uma placa escrita não grite. – Tá.. eu vou esperar lá fora.
- Bem melhor! – Liam e Harry falaram ao mesmo tempo.
- Sophia.. Eu to com fome.
- Eu vou lá fora alimentar ele antes que ele resolva comer a comida da Annie.. – ela falou o puxando pelo braço.
- Também to com fome.. Me espera! – Harry corria.
- Mereço..
- Zayn.. – falei me virando pra ele, porém ele me interrompeu.
- Vai lá, eu te espero aqui. Precisa de um tempo com elas.
- Obrigada! – eu lhe dei um rápido abraço e entrei correndo.

Comentem comentem! AAAAAI gente, to surtando aqui perai!
Agora eu tô sempre postando pra Aline, virei largata kkkkkkk
Sóquenão eu adoro a Aline por isso posto pra ela!
Te amo Aline <3333 Gente eu morri com o louis gritando! kkkkkkk
"Harry Sytles" e eu passei esses dois anos chamando ele de Harry Styles!
Entendedores entenderam!
Beijos até mais, a Aline pediu pra vocês comentarem muito que tá chegando nas melhores partes.
Malikisses Liamdas
51

51 comentários:

  1. Aaaaaah continuaaa essa é a minha fic preferida Te amo aline Diva *OO*

    by : Raphaela sua maior fã !!

    ResponderExcluir
  2. primeiraaaaa nossa q legal morri de rir com esse garotos kkkk so os minos mesmo nem dentro do hospital neh kkkkk muito bom coninuaaaa tah liamdo d+
    by:Duda

    ResponderExcluir
  3. Aline sua diva continua antes que eu morra.
    Finalmente "eu" entendi que ele precisa de mim e "eu" dele >...Ta perfeito com sempre.

    Mands <3

    ResponderExcluir
  4. Awnnnnnnnnn o Zayn é tão fofo! *-*
    Amando a fic =)
    Ansiosa p/ o próximo
    Annah C.

    ResponderExcluir
  5. Aiiinnn morrida aqui kkkjkjjjjjkkjkjjkjjkjk CONTINUAAAAAA ?

    ResponderExcluir
  6. Aaaahh esse capitulo ficou muiitoo peerfeeito , meew eu sou completamente apaixonada por essa fic .
    Continua *-*

    ResponderExcluir
  7. Acho q vou morrer! Q perfeito! Continua está fofo demais!

    ResponderExcluir
  8. Ai meus pancreas kk ! Gente isso ta mt bom! Line vc é d+ garota ! Cams continua postando pra ela , pq cada dia fica melhor , e foi mt fofo e o Louis como sempre me matando de rir ! Continuaaaaa! Ta divo *-* !

    ResponderExcluir
  9. Ok, temos que casar .... sua liamda to amando essa budega, se você não matar ela no final fica mais lindo .. porque, né , vamos combinar, não quero mais chorar, ficar arrepiada ou coisas do tipo. Tá bem esplêndida esta fic sua DIVA. Parabens !! *-*


    @JuubsDevinne

    ResponderExcluir
  10. AAAAAAH meu deus que perfeitoo..Aline eu tava morrendo de saudades da fic..Perfeita,só não caso com ela por que não da HAHA

    ResponderExcluir
  11. Ownt que lindo <3
    Estou amando,eles são muito fofos :3
    Continua porque vou um heart attack =)
    Malikisses

    ResponderExcluir
  12. Nunca te falaram que e feio fazer coisas perfeitas ou muito muito boas Camila Homs dois u.u Aline deixa de ser diva ta? Me de um pouco da sua criatividade so um pouquinho ta? Xx ;3

    ResponderExcluir
  13. Quando vai dar pra continuar? Mesmo não sendo Directioner amor as fanfics e imagines vcs são criativas pra caralho man... Beleza não pretendo ser Directioner, mais sou lovatic isso basta pra mim... Aline e Camila suas divas continuem.... e Camila continua a Only You ta foda... Todas estão...

    Ass: Bipolar ;//

    ResponderExcluir
  14. Aline sua Diva Continua eu fiquei desesperada quando você demorou! Mais agora está perfeita!!

    ResponderExcluir
  15. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA AMEI ! CONTINUA


    XX LAURA

    ResponderExcluir
  16. Ameiii.. Tipoo DIVOU TOTAL. *~*
    By: Liara Jacob.

    ResponderExcluir
  17. Eu chorei.. Meu Deus, como pode ser tao perfeito??! Vc chora e ri ao mesmo tempo.. É inevitavel. Diva, vc tem um talento incrivel.. Amo sua fic e vc sem nem te conhecer.

    ResponderExcluir
  18. pfta demais essa fic!!!

    ResponderExcluir
  19. ai eu vou morrer tenta posta outro ta super perfeito!!!

    ResponderExcluir
  20. Aaaaaaaaaa mds finalmente beijei o zayn kkkk seu lindo
    fico contando os dias pra vc postar i'm here for you amooo dmais essa fanfic amo /respiro/vivo i'm here for you e stole my heart continua suaessa fic sua mina diva
    bj bj da lexie sua fã

    ResponderExcluir
  21. Lindo Zayn Malik é perfectooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo

    ResponderExcluir
  22. continuaaaaaaaaaa!!!zayn pediu ela em casamento?by;Thais Dreams

    ResponderExcluir
  23. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA MUITO PERFEITO, CONTINUAAAA, EU ACHO QUE VOU TER UM HEART ATTACK TE TANTA CURIOSIDADE

    ResponderExcluir
  24. Coonrinua eu to morreeendo... Ta perfeeeeeeeeeeeeito...

    ResponderExcluir
  25. Nossa que capitulo ...
    Parabens ! (:

    ResponderExcluir
  26. Gente , muito obrigada pelo apoio que vocês estão me dando. Não sabem como minha vida está complicada , acho que isso aqui é o único que me mantem.. firma. slá. Obg a todos vocês que estão lendo e desculpe a demora a postar , eu realmente estou correndo contra o tempo com a fic , porque eu preciso concluir o trailer da nova fic que também será postada aqui (Camila diva já apoiou). Mas eu costumo entrar bastante pelo celular para responder asks. quem quiser conversar comigo , sejá feliz e venha aqui >>> http://ask.fm/lineegs bjs Xx

    ResponderExcluir
  27. aaaaaaaaaahhhhhhhhhhhh essa fic e linda vc ta demorando para postar mas nao tem problema eu confiro todo dia:) nao vou te abandonar!

    ResponderExcluir
  28. Vamo tia vamo que vamo terminar essa fic logo !

    xx ' Aline B.

    ResponderExcluir
  29. TA MUUUUUUUUUUITO PERFEITOOOOO! CONTINUA PF!!!!!!! TE ADORO MENINA! SUA FANFIC ARRASA!

    ResponderExcluir
  30. Continua ta perfeito continua por favor

    ResponderExcluir
  31. Awww! Aline do céu,vc sabe mesmo nos deixar constrangidas. Estava esperando tanto por esse beijo,que fiquei um tanto boba aqui lendo lentamente. hsuahushahs #AMANDO
    Continue...
    By:baby

    ResponderExcluir
  32. PERFEITOOOOOOOOOOOOOOO AI.MEU.DEUS.

    ResponderExcluir
  33. Awwwwwwwwww que P-E-R-F-E-I-T-O , menina do céu só vc msm, parabéns pela fic flor. AMANDOOOOOOO *--*

    ResponderExcluir
  34. por favor por favor continua C.O.N.T.I.N.U.AAAAAAAAAAAA pelo amor de deus ta perfeito ta ótimo simplesmente viciante ;) bom agora eu so espero que venha emoções super fortes hahaha

    ResponderExcluir
  35. Vey, vai continuar ou nao? to ficando desanimada ja.. Ta tão perfeita, seriooo. Ta muito linda, continua amr, serio *0*

    ResponderExcluir
  36. Continua please continua por favorrrrrrrrr continua estou viciada continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaqaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  37. CONTINUAAA MDS CONTINUAAA POR FAVOOOOOORR EU AMO ESSA FIC!!!!!

    ResponderExcluir
  38. Continua pelo amor de nosso bom deus!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  39. Awwww continuuuuaaaa plmddssss

    ResponderExcluir
  40. PERFEITO!!!!!! Continua logo antes q eu morra aqui!!!!

    ResponderExcluir
  41. Oooo mneu Deus,continuaa por favor,quando sai o prox capitulo??

    ResponderExcluir
  42. Continua a o mais rapido o possivel... Ta perfeita de mais....... Eu ameeii ... Vc tm talento. Poderia escrever um livro... Kkkkk... ameiii sua fic.

    ResponderExcluir
  43. Continua por favor ):

    ResponderExcluir
  44. To amando! Divulga pf http://imagine1d05.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
  45. continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  46. Quando vc vai continuaaaaaa?! By:Larissa

    ResponderExcluir