Stole My Heart - Capítulo 29 / 2ª Temporada (Parte 2)


- ATACANDO PAUL

(1) one direction | Tumblr
MÚSICA, por favor, só de play quando eu pedir ;)

P.O.V. HARRY

~15 minutos depois...

Eu: Hey... - disse baixo com a voz falhando por conta do choro, tenho certeza que meus olhos estavam inchados e meu rosto vermelho
Louis: COMO VOCÊ FOI IRRESPONSÁVEL A PONTO DE PERDER MEU SOBRINHO? - disse me segurando pela gola da camiseta e me levantando um pouco
Eleanor: Louis William Tomlinson! Solta o Harry AGORA! - disse série e Louis bufou me soltando
Eu: A culpa não foi minha!
Niall: Cara você foi irresponsável sim.
Eu: EU SEI, OK?
Zayn: Calma Harry, a gente vai achar Harry e... acabar com Paul.
Liam: Quer que eu vá no mercado enrolar a SeuNome por mais algum tempo?
Eu: Se der... por favor.
Liam: Tá, tô indo. Qualquer coisa me liguem.

     Liam saiu do apartamento, ele era bom com palavras, então SeuNome seria enrolada facilmente pelo Liam, além do mais, pelo que eu conheço ele faria ela rodar vários lugares com ele e ela aceitaria na boa, já que estava de bom humor hoje.

Niall: O que a gente faz pra recuperar Sean?
XX: RECUPERAR QUEM?! - gritaram entrando no apartamento, era SeuNome, que deixara as comprar caírem no chão e Liam estava atrás dela com as mãos na cabeça
Eu: Droga... - disse baixo mas ela pareceu ouvir e me olhou com ódio
Liam: Desculpa gente, quando eu cheguei no térreo ela estava subindo e eu não consegui fazer ela sair... desculpa.
Você: O que tem meu filho?
Louis: SeuNome... é...
Você: CADÊ O SEAN? - gritou indo pro quarto dele, e quando chegou lá deu um berro
Zayn: Harry achou ter ouvido você gritando, ai saiu correndo pelo prédio mas não trancou a porta e Sean tava dormindo, ai quando ele voltou Paul tinha sequestrado ele e só deixou um bilhete - falou tudo de uma vez e depois recuperou o fôlego
Você: Eu juro, por tudo que é mais sagrado nesse mundo, que se o meu filho não aparecer até amanhã... eu nunca mais olho na sua cara, eu sumo e te mato! - SeuNome falou com raiva me fitando deixando algumas lágrimas escaparem

Eu: SeuNome, me desculpa - disse me aproximando dela também chorando
Você: SAI DE PERTO DE MIM! - gritou e me deu um tapa na cara, o que fez com que os meninos rissem baixo, levei minha mão direita ao rosto e ardia, era o tapa mais forte que eu já tinha tomado na minha vida
Eleanor: SeuApelido, não foi culpa do Harry, ele se preocupou com você.
Você: Me deixasse morrer, eu já vivi! Sean mal nasceu, custava tê-lo levado?! - respondeu com raiva na voz e no olhar
Eleanor: Vem, eu te faço um chá pra você se acalmar enquanto eles pensam em como pegar a criança de volta - disse pegando a mão de SeuNome e a puxando pra cozinha
Você: Era meu filho, Els! Como você ficaria se fizessem isso com Wendy quando ela nascesse? - perguntou completamente em prantos

Eleanor: Eu... 
Você: Ta vendo, também não sabe como agiria. Ninguém imagina isso acontecer com a pessoa que você fica meses carregando no ventre, ninguém quer isso!

     Todos tentavam acalmar SeuNome, enquanto eu estava sentado no sofá com os braços apoiados nas pernas e as mãos na cabeça fitando o celular encima da mesinha de centro esperando uma mensagem ou ligação se quer de Paul que não chegava, eu ouvia SeuNome chorando da cozinha, o que fez meu coração partir-se em dois e lágrimas rolarem mais rápido ainda.

P.O.V. LOUIS
Eu: SeuNome, calma. Ele vai ligar, ele vai falar o que quer pelo Sean, nós vamos pegar seu filho de volta.
Você: É bom mesmo... eu juro, que eu mato o Harry se o Sean não aparecer! - disse indo pegar uma faca no faqueiro encima da bancada e Eleanor o pegou rapidamente colocando-o encima da geladeira e SeuNome bufou
Eleanor: Vou fazer um chá, senta ai SeuNome. - colocou-a sentada mesmo contrariada numa cadeira ao lado da mesa enquanto procurava o chá nos armários
SeuNome: É o terceiro da esquerda.
Eleanor: É, claro. - respondeu indo pegar o chá

     Eleanor colocou o sachê do chá numa água fervendo-a no fogão enquanto acalmava SeuNome. Eu estava encostado no peitoril da porta observando as duas. SeuNome tinha parado de chorar e tomava agora o chá conversando normalmente mas com o rosto magoado, mas é claro. Me virei de costas e vi Harry e Niall aparentemente lendo algo no celular disfarçadamente, ou não, já que Zayn estava na varanda encarando o nada e Liam olhando pra parede falando com Danielle aparentemente no celular. Fui andando até os dois que guardaram o celular quando me viram.


Eu: Mostrem. - disse impaciente
Harry: O-o que?
Eu: A mensagem? - Niall soltou uma risada nervosa
Niall: Não tem mensagem nenhuma, Louis.

Eu: Não mesmo? - perguntei e arqueei a sobrancelha
Harry: Não Tommo - disse se levantando do sofá -, quando Paul mandar uma nós... - o celular caiu de seu bolso em frente ao meu pé o olhei fixamente e peguei-o rapidamente, sabia que a senha do celular do Harry era um S, então desenhei-a naquele padrão irritante e abriu na mensagem que tinha sido recebida à... 3 minutos
Eu: Não tem mensagem, não é mesmo? 
Niall: É que... ah nada! - abaixou a cabeça e Harry me fitava triste
Eu: É MEU SOBRINHO QUE ESTÁ EM JOGO E VOCÊS AI DE SEGREDINHO?! - disse de maneira alta, mas acho que SeuNome não ouvira - Deixa eu ler isso. - falei prestando atenção no que estava escrito

"À essa hora todos já estevem ter chorado e quase cometido loucuras pelo desaparecimento da criança, eu sei. Esse bebê está bem, se quiserem ver a FOTO... só não sei por quanto tempo haha"

Eu: SEUNOME! - gritei e a mesma veio correndo e parou no peitoril da porta quando viu o celular em minhas mãos
SeuNome: Ele... ele mandou mensagem?
Eu: É, vem ver. - ela se aproximou e eu lhe entreguei o celular
SeuNome: Sean... tão sorridente mesmo correndo perigo... - deu uma risadinha baixa e preocupada vendo a foto e lágrimas escorreram de vagar
Harry: Eu vou perguntar o que ele quer pelo Sean, posso? - pediu estendendo a mão esquerda e SeuNome lhe entregou o celular - Ok, agora...

     Antes que ele terminasse a frase, SeuNome correu e o abraçou, Harry  ficou sem reação, o celular caíra ao chão quando ele retribuía o abraço apertado que ela provavelmente havia dado. Acho que nunca vi cena tão bonita, Harry começou a chorar enquanto os dois estavam abraçados, vi SeuNome sussurrar um "me desculpa" baixo e logo e soltou de Harry  Niall pegou o celular e provavelmente perguntou o que ele queria pelo Sean.


Niall: Agora é só esperar uns cinco minutos.

     Todos nós nos sentamos na sala, Eleanor se sentou numa poltrona e ficava apertando os olhos e soltando gemidos baixos toda hora, levantei os ombros em sinal de "O que foi?" e ela apenas fez um não com a cabeça como sinal de nada. Estava ficando preocupado, ai lembrei de que o médico dela disse que a mesma poderia ter contrações fortes e fracas ao mesmo tempo.

Niall: MENSAGEM! - gritou e todos levantaram
Eu: Ta esperando o que pra ler, irlandês?
Niall: O código do celular. - respondeu como se fosse óbvio

SeuNome: É um S quadrado, Nini - pegou o celular e desenhou -, pronto, leia.
Niall: Tá. 

"Eu quero o Niall, Harry, SeuNome e Louis às 20:00 atrás da sorveteria Yogi, aquela que o Harry quase se drogou, lembra querida SeuApelido? Lá os quatro e mais ninguém. Caso contrário Sean não terá o tão esperando aniversário de 1 aninho... e quero 5 milhões também"

Harry: Merda, que horas são?!

Liam: Ammm.... 17:21. Temos menos de três horas pra conseguir dez milhões.
SeuNome: Droga, droga, DROGA! - gritou
Eu: Calma, nós vamos conseguir.
SeuNome: Louis, não são 10 mil euros, são 5 milhões.
Niall: Eu tenho um... - disse despreocupado
Zayn: Da onde?!
Niall: Bom, eu guardo o meu dinheiro dos shows e não gasto mais em pubs, e minha mãe me dá um pouco também. - riu ao dizer o final
Eu: Eu tenho uns 500 mil, não sei.
Harry: Eu pago tudo. - disse e abaixou a cabeça
SeuNome: COMO VOCÊ TEM 5 MILHÕES? - perguntou muito, muito alto, mas não chegando a gritar
Harry: Eu vendi uma varsity do Zayn pela internet por oito milhões, e umas outras coisinhas minhas também. - riu - E guardei o dinheiro pra uma emergência, e essa claramente é uma.
Zayn: Bem que eu dei falta da vermelha escura... - cerrou os olhos em direção à Harry
SeuNome: Custava falar?!
Eu: Não é hora de brigar gente, nós temos que saber o que fazer, vai que é uma cilada?
Liam: Tenho uma ideia... - deu um sorriso que me fez sentir um arrepio na espinha

P.O.V. SEUNOME
     Bom, faltavam cinco pras 20:00 horas. O plano do Liam não era ruim, mas era... bom, fraco entre aspas. Consistia entre ele e Zayn se esconderem com a polícia dentro da sorveteria enquanto nós pegávamos Sean, daria um toque no meu celular e a policia invadiria o beco em que estaríamos. Acho que valia a pena tentar.

Eu: Vamos Harry? Já deu a hora. - perguntei ainda dentro do carro

Harry: Antes, me prometa uma coisa.
Eu: O que?
Harry: Que você não vai cometer nenhuma loucura, por favor.

Eu: ...
Harry: SeuNome, prometa, por favor.
Eu: - bufei - Tá, eu prometo. - revirei os olhos e saí do carro seguida por Harry

~de play agora na música

  Atravessamos a rua e já estávamos entrando no beco, um mal pressentimento novamente me tomou. Apertei mais a mão de Harry junto com a minha e quando entramos, Paul estava conversando com Sean bem no final do beco. Por incrível que pareça, ele não tinha comparsas e mais ninguém, só ele, Sean e uma arma no bolso, pois dava para vê-la.

[N/A] Colocarei os trechos da tradução da música dada no começo do capítulo a partir de agora.

Esta é uma luta até a morte
De nossa santa guerra
Um novo romance, uma meretriz troiana
Nós vamos, nós vamos, nós vamos
Nos erguer novamente

Paul: Nossa, eu e Sean achamos que não viriam, não é mesmo criança? - perguntou com um sorriso medonho no rosto olhando para Sean que ria inocentemente


Esta é uma luta pelo dia
Noite, preto e branco
Uma dança da vitória
Um tumulto ardente

Harry: Pronto, aqui estamos. Vai falar alguma coisa ou o que...?

Paul: Cadê os 5 milhões?
Eu: Aqui - disse mostrando uma bolsa aberta para o mesmo

Paul: Interessante... bom, mas eu gostei desse garoto, ele seria um bom ganha-pão nas drogas, sabe. Acho que mudei de ideia...
Harry: PEGA A MERDA DESSE DINHEIRO E ME DEVOLVE MEU FILHO. - disse rudo e alto encarando Paul com muito ódio no olhar
Paul: E se eu disser que não? - riu alto
Eu: Paul, chega. Acabou! Pega esse dinheiro e nos devolve Sean, chega cara!
Paul: - bufou - Ta certo, peguem a criança e me tragam o dinheiro. - estendeu Sean como se o mesmo fosse um boneco, senti uma pontada no meu coração com esse gesto 

Nós vamos, nós vamos, nós vamos
Nos erguer novamente
Ei
Faça uma oração
Ei
Faça uma oração

    Harry soltou minha mão e eu mordi o lábio inferior com força... isso não estava certo, estava fácil demais pra ser verdade e me incomodava, muito. Só sei que quando ele começou a dar os passos, eu só queria correr até o mesmo e puxa-lo de volta ao carro. Mas Sean estava em jogo nesse momento... Ele ia se aproximando cada vez mais de Paul, enquanto eu estava ali, parada no início do beco com o celular preso na cintura, se eu me mexesse a ligação seria feita e os policiais invadiriam o lugar. Mas ainda não estava na hora, faltava pouco...


Eu sou, eu sou o melhor
Ela afirmou e mais
Uma batalha marcada pelo conquistador

Harry: Pronto, seu dinheiro. - jogou a bolsa no chão na frente do mesmo, que abaixou o olhar para as notas dentro da bolsa

Paul: Muito bem... segura essa criança ai então eu conto pra ver se tem os cinco milhões mesmo. - praticamente jogou Sean no colo de Harry  fui me aproximando de vagar dele e Sean - Dois, três, quatro... é, temos cinco milhões aqui mesmo. - sorriu falsamente
Eu: A-agora nós... vamos pra casa. 

Nós vamos, nós vamos, nós vamos
Nos erguer novamente
Esta é uma luta pelo nosso amor
Luxúria, ódio e desejo
Nós somos os filhos do grande império
     
     Harry não queria me dar Sean, quis ficar com o pequeno no colo, talvez por culpa do mesmo ter deixado Sean nas mãos de Paul tão fácil... não sei. Fui andando um pouco a frente dos dois quando ouvi uma gargalhada muito, muito alta vindo de trás de nós. Me virei enquanto Harry andava ainda com Sean e Paul estava com uma arma apontada pras costas de Harry. Ele iria mata-lo! Não consegui gritar, simplesmente me joguei nas costas de Harry derrubando-o, ele caiu de lado e segurou Sean em sua barriga e eu cai pouco atrás do mesmo. Ouvi gritos, uma sirene muito alta, vi policiais pegando Paul e uma dor... uma dor muito forte no meu peito. Coloquei a mão encima e senti um molhado, olhei e sangue, era sangue. De repente tudo começou a ficar turvo e a escurecer. Uma frase do livro Crepúsculo veio em minha mente "Nunca pensei como morreria, mas se fosse pra salvar alguém que eu amo, deve valer a pena". E coloquei a mão novamente sob o peito, mais sangue, via ainda ao meu redor escorrer cada vez mais e mais e choros ao meu redor.

Nós vamos, nós vamos, nós vamos
Nos erguer novamente
Ei, ei
Faça uma oração
Ei, ei
Faça uma oração
Ei, ei
Faça uma oração
Ei, ei
Faça uma oração

Harry: SeuNome... não amor, fica aqui comigo. - dizia chorando agora ajoelhado ao meu lado, ele chorava alto e sentido, atrás dele tinha Louis chorando com Eleanor o acalmando, Liam e Niall falavam com os policiais e Zayn segurava Sean

Eu: Harry... cuida do Sean? Por mim?
Harry: Mas é claro amor, mas você vai ficar bem, você vai ensinar ele a escrever papai e mamãe, vai ensinar ele a como tratar bem as mulheres - eu ri fraco -, a cozinhar pra mim, a arrumar o quarto e a ser uma pessoa tão boa quanto você foi. E você tem que ficar aqui pra ver a Wendy, não quer saber como ela vai ser?
Eu: Mas é claro que eu vou saber, só não... aqui. Eu te amo, Hazza

Harry: Eu te...

Esta é uma luta até a morte
Esta é uma luta até a morte
Esta é uma luta até a morte
Esta é uma luta até a morte
Esta é uma luta até a morte

     E ai, tudo escureceu, não conseguia mais ouvir as palavras dele, não conseguia mais ver nada e não sentia meu corpo. E foi assim, acho que sempre foi pra ser assim, algo em mim me dizia isso.

Nós vamos, nós vamos, nós vamos
Nos erguer novamente
Nós vamos, nós vamos, nós vamos
Nos erguer novamente
Ei, ei
Faça uma oração
Ei, ei
Faça uma oração
Esta é uma luta até a morte

Boa noite
Bom, espero que não me matem, mas a fic é pra ser assim, eu gostei bastante desse capítulo, acho que é o meu favorito até agora.

Mas ainda tem o 30, onde vai ser pouco mais triste... ou será que não?
Bom, não sei quando posto o último, pois está uma bagunça minha cabeça e as ideias pra MMWD rs. Mas tem outras fics muito boas aqui, então não vão sentir falta :D
Comentem <3

24

24 comentários:

  1. Acho que já li esse capítulo em algum lugar HASHSASHAS, eu nem li. Sei lá, já me acostumei com a SeuNome e o Zayn. Mas comentei porque eu sou legal e não tinha nada pra fazer hehe
    Então vocês que leem ela com o Harry e estão ansiosos: Eu sei como acaba \o/

    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dona Nessie, eu posso lhe responder tanto no CE, quanto no IODBR e aqui também, então trate de ficar quieta e não dar spoiler nenhum e nem contar o final e MUITO MENOS passar o blog pros curiosos lerem, ok? U_U

      Excluir
    2. Também vi esse imagine,porém era com o Zaz :3

      Excluir
  2. Continua Bia please! Xx: Duda Druzian

    ResponderExcluir
  3. Como assim eu morri? O.o não quero deixar o Meu Harry dando sopa por ai, Why eu morri mesmo?

    ResponderExcluir
  4. Gabriele Alves :)04/09/2013 13:29

    hEYY TA LIAMDO FLORR!!

    ResponderExcluir
  5. awwwwwwwwwwwwwwn que per-fect mais porque eu tenho q morrer!! acho q eu nao vou morree

    ResponderExcluir
  6. postaa logo e ve se não demora ja tava com muiiita raiva pq vc demorou de postar esse :)))0

    ResponderExcluir
  7. Amei ! *--* Continua logo (:

    Aceita afiliação flor ? (http://imagine0nedirection-br-1d.blogspot.com.br/) Obg n_n

    ResponderExcluir
  8. Se tiver um final como Same Mistakes ja vai avisando pra mim já ir pulando da ponte ok? Já chorei rios lendo SM nao quero chorar lendo essa ;-;

    ResponderExcluir
  9. O que??? como assim eu morri??? , como a Thais falou eu não quero chorar lendo outra morte ainda mais a minha , é sério sinto muito mais eu vou odiar se SEUNOME morrer ....Não vai ter graça nenhuma .... By : Emily Gonçalves

    ResponderExcluir
  10. bem... sentir falta eu vou neh mais tu tem razão tem muitas fanfics legais nesse blog(pra falar a vdd todas)e eu me distraio lendo enquanto espero, cara eu vou morrer? e o Hazza eo Hazzinha? q vontade de chorar =( posta o mais rapido q tu puder pq neh! to super curiosa aq malikisses
    by:Duda

    ResponderExcluir
  11. Ahhhhh ME VIVE DNVO, KKKKKK AAH NAO POSSO MORRER TA TAO PERFEITOOO !! Continuuaa, bjos.
    Lelis xX

    ResponderExcluir
  12. NNNN, EU PRECISO RESSUSCITAR, SOCORRO MINHA GENTE.... AUHAUH CONTINUAA TA PFTOO *-*

    ResponderExcluir
  13. continua por favor eu ate ;_; chorei

    ResponderExcluir
  14. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  15. N faz isso cmg plmdds, eu to chorando cara isso ñ é legal... Cara scrr

    ResponderExcluir
  16. Ela não pode morrer agora que tá ficando legal

    ResponderExcluir
  17. CARA TO CHORANDO ISSO NAO É LEGAL >>> MEEUU BEBE E MEU HARRY VAO FICAR SOSINHOS ai quemerda nao gosto de me apegar tanto assim nas fanfic porq agora vou ficar pensando em tudo isso

    ResponderExcluir
  18. A seunome vai morre naum pf.não faz isso :(

    ResponderExcluir
  19. nossa acho que nunca chorei tanto por uma fic OMJ. ficou muito bom e to esperando ansiosa pelo 30

    ResponderExcluir
  20. eu...eu...morri...0-0

    ResponderExcluir